Defesa da dissertação

Olá, todos!

O blog ficou um tempinho sem atualizar,mas foi por dois motivos nobres: o nascimento do meu filho, Heitor, em setembro, e a construção da dissertação.

Pois bem, foram motivos que me impediram de dar continuidade aos posts sobre infográficos. Agora, voltando aos poucos à vida on line, informo-lhes que o dia da defesa já chegou:

DEFESA DE DISSERTAÇÃO DE MESTRADO

MESTRANDA: ADRIANA ALVES RODRIGUES

TÍTULO DA DISSERTAÇÃO: INFOGRAFIA INTERATIVA EM BASE DE DADOS NO JORNALISMO DIGITAL

DATA DA DEFESA: 22 de dezembro de 2009.

EXAMINADORES:

Profª. Drª. Suzana Barbosa (UFF)

Prof. Dra. Graciela Natanshon (Poscom/Ufba);

Prof. Dr. Marcos Palacios (Orientador).

Às 9h, na  Faculdade de Comunicação da UFBA.

Anúncios

Das interfaces à interações

Aproveitando a mesma temática do post anterior, Frederick van Amstel,  defendeu sua dissertação de mestrado em Tecnonlogia pela UTFPR,  “Das interfaces à interações: Design participativo do Portal BrOffice.org”. E também, a disponibilizou no Blog Usabilidoido.

Eis o resumo:

“A complexidade dos processos comunicacionais mediados pela tecnologia tem atraído a atenção de diversas áreas. Numa perspectiva pragmática, o Design de Interação visa a adequação destas mídias à uma determinada comunidade, porém, esse processo se dá num cenário político de conflitos culturais. A proposta de Design Participativo defende a autonomia do indivíduo para desenvolver os usos sociais da técnica, enquanto a proposta de Software Livre especifica critérios legais e organizacionais para que isso possa acontecer. A convergência destas propostas em projetos de websites colaborativos faz necessário tomar processos de produção e de uso em conjunto, como no conceito de mediações de Jesús Martín-Barbero. Para investigar possíveis contribuições entre estas abordagens, este texto inclui o estudo de caso do processo participativo de reformulação de um portal Web de uma comunidade que produz software livre para escritório, envolvendo especialistas, colaboradores e usuários. Usando canais como listas de discussão, wiki, audioconferências e sala de bate-papo, foram discutidos a identidade visual do portal, os seus serviços e a organização da informação. A síntese das discussões levou a uma nova estratégia de apresentação dos produtos da comunidade – enfatizando seus benefícios práticos – e no tratamento dos usuários, que teriam acesso mais fácil aos serviços disponibilizados. Com base nas discussões, foram elaborados modelos para o desenvolvimento do novo portal”.

AMSTEL, Frederick van. Das Interfaces às Interações: design participativo do Portal BrOffice.org. Curitiba, 2008. Dissertação (Mestrado em Tecnologia) – Programa de Pós-Graduação em Tecnologia, UTFPR.